Atividades dos 3°s anos respeitam ritmo e interesses dos alunos  

É possível atender às demandas individuais em sala de aula? Sim, e a turma dos 3°s anos vêm mostrando que trabalhar com propostas que favoreçam o avanço de todos é a chave para fazer com que esta ideia dê certo.

Para isso, os alunos participam de atividades que desafiam aqueles que já estão dominando algumas habilidades e conteúdos e, ao mesmo tempo, permitem a atenção individualizada aos que precisam aprimorá-los.

Uma ferramenta fundamental para que este conceito seja bem-sucedido é a tecnologia, que possibilita aos alunos aprofundar seus saberes de forma autônoma, respeitando o ritmo e os interesses de cada um.

Confira as fotos:

tecnologia - 3º ano (set/2018)
Anúncios

Educação Digital: 6° ano estuda os impactos da tecnologia na saúde  

Em tempos de globalização e de fácil acesso a todas as tecnologias, é fundamental que as crianças discutam sobre cidadania digital. Viver em uma sociedade constantemente conectada traz a necessidade de pesquisar e debater sobre os desafios, oportunidades e riscos que essa realidade digital oferece.

Este vem sendo o caminho das aulas de Educação Digital dos 6°s, 7°s e 8°s anos. Descobrir e analisar os impactos da tecnologia no dia a dia vem trazendo novas descobertas sobre o mundo conectado.

Desta vez, o foco da turma do 6° ano foi saúde. Os alunos pesquisaram sobre doenças como LER e hérnia de disco e aprenderem mais sobre suas causas, sintomas e tratamento, além da relação de cada uma delas com a tecnologia.

Para tornar a atividade mais divertida, puderam, também, trabalhar com slimes, com o objetivo de fortalecer as musculaturas das mãos e dos dedos.

Confira fotos:

Educação Digital - 6º ano (set/2018)

Alunos dos 3°s anos montam padaria em aula de inglês  

Os alunos dos 3°s anos participaram de mais um projeto com a professora Carol, nas aulas de inglês. Desta vez, eles montaram uma padaria.

O primeiro passo foi escolher um país. A partir daí, eles pesquisaram e trabalharam o vocabulário em inglês, aprendendo novas expressões que usaram, mais tarde, em uma série de dramatizações das quais participaram.

E o projeto não poderia terminar de forma mais gostosa! Para encerrar, eles tiveram uma aula especial na sala de culinária do colégio.

Veja as fotos:

Padaria na aula de inglês - 3º ano (set/2018)

PETAR, Cananéia e Ilha do Cardoso: confira fotos do estudo do meio do 7º ano

IMG-20180918-WA0034

De 17 a 21 de setembro, os alunos do 7º ano realizam um estudo do meio ao Parque Estadual Turístico do Alto do Ribeira (PETAR) e ao município de Cananéia, onde fica a Ilha do Cardoso.

Durante a viagem, os estudantes entram em contato com os elementos básicos dos ecossistemas brasileiros, conhecendo os principais ambientes da região litorânea (Mata Atlântica, Praia Arenosa, Costão Rochoso e Mangue), bem como espeleotemas (como são chamadas as formações rochosas nas cavernas). A viagem tem como objetivo completar os conteúdos desenvolvidos em sala de aula e desenvolver as habilidades de pesquisa, observação, organização e síntese.

Os alunos estão acompanhados pela orientadora Silvia e pela professora Yara, de Ciências, além de monitores especializados da empresa Cordel.

CLIQUE AQUI para acompanhar as fotos desse estudo do meio e confira, abaixo, a programação dia a dia:

1º dia

  • Saída da porta da escola às 06h30 com destino ao Quilombo André Lopes
  • Almoço no Quilombo
  • Atividades no Quilombo
  • Saída para o PETAR – Pousada das Cavernas
  • Jantar e visita noturna ao Parque Betary
  • Fechamento do dia.
  • Preparação para o dia seguinte.

2º dia:

  • Café da manhã.
  • Saída para o PETAR, visita às cavernas: Santana, Morro Preto, Couto – parada para o lanche de trilha no Rio Betary.
  • Retorno para a pousada.
  • Jantar.
  • Fechamento do dia.

3º dia

  • Café da manhã.
  • Saída para o Petar – Caverna do Alambari de Baixo
  • Retorno para o Hotel e arrumação das malas
  • Almoço
  • Saída com destino à Caverna do Diabo, na cidade de Eldorado
  • Visita à Caverna do Diabo
  • Chegada e acomodação no Hotel Mar Azul em Cananéia.

4º dia

  • Café da manhã
  • Saída com destino ao PE da Ilha do Cardoso em escuna.
  • Visita: mangue, trilha de mata e restinga, praia arenosa e costão rochoso.
  • Aula de pesca com um guia local.
  • Almoço no Restaurante da Praia.
  • Continuação das visitas.
  • Retorno para Cananéia no final do dia.
  • Jantar
  • Fechamento do dia

5º dia

  • Café da manhã.
  • Visita ao centro histórico de Cananéia, museu municipal e região portuária
  • Visita ao centro de pesquisa e à maquete didática da região (IO-USP)
  • Arrumação das malas
  • Almoço
  • Saída para cidade de Iguape – visita ao Mirante
  • Embarque para São Paulo
  • Previsão de chegada na Unidade I – 20h30

Fund. II visita galeria Casa Amarela no “Pelas Ruas de SP”

Em 31 de agosto, os alunos do 6º ao 8º ano do Santo Ivo participaram de mais uma edição do projeto Pelas Ruas de São Paulo. Desta vez, eles visitaram a Casa Amarela, galeria de arte localizada na Vila Romana.

Com arquitetura neoclássica, a Casa Amarela foi construída em 1921, pelo italiano Angelo de Bortoli, bisavô da atual proprietária, que chegou ao Brasil no fim do século 19. Projetada quando as ruas ainda não haviam sido demarcadas, a Casa é a mais antiga edificação do bairro e hoje abriga o ateliê da artista Janice de Piero.

Na visita, os estudantes tiveram a oportunidade de ver a próxima exposição de Janice, ainda em montagem, conversar com ela, além de terem sido convidados para realizar uma proposta artística. Em seu jardim, o grupo criou pinturas com anil, um dos materiais que utiliza nas obras que estarão na próxima mostra.

Essa foi a 44ª atividade do projeto Pelas Ruas de São Paulo, organizado pelo Colégio Santo Ivo para aproximar os alunos das manifestações artística que ocorrem por toda a cidade ao longo do ano. Os alunos estavam acompanhados pela professora de Artes, Diana, e pela Orientadora Educacional Silvia.

Confira as fotos:

Pelas Ruas de SP: Casa Amarela - Fund. II (ago/2018)

Olimpíada Interna Colaborativa de Matemática é destaque nos 2ºs e 3ºs anos  

Os alunos dos 2ºs e 3ºs anos participaram da segunda edição da Olimpíada Interna Colaborativa de Matemática. Mais uma vez, a colaboração para um bem comum foi o diferencial da atividade, na qual o que vale é poder contar com a ajuda dos amigos para resolver os problemas.

Para cumprir este objetivo, foi proposta uma única prova, para a classe toda. Os alunos realizaram desafios com questões que estimulam o raciocínio lógico-matemático, a criatividade, a organização, a cooperação e a proatividade.

Confira as fotos:

Olimpíada de Matemática - 2ºs e 3ºs anos (ago/2018)

Alunos do 4° ano visitam Pinheiros e Bixiga  

Mais um estudo do meio agitou o aprendizado dos alunos do Ensino Fundamental I. Desta vez, para complementar o trabalho realizado em sala de aula, as turmas do 4° ano conheceram dois bairros tradicionais da cidade, Pinheiros e Bixiga.

Na atividade, eles puderam aprender como aconteceu a ocupação destas duas áreas, que nasceram em contextos diferentes. Além disso, tiveram mais detalhes sobre os ciclos econômicos e outras questões que propiciaram a expansão da cidade.

Outro ponto alto do passeio foi identificar as permanências e as modificações que ocorreram com o passar do tempo e que ainda podem ser reconhecidas. Além da paisagem, todos puderam se debruçar sobre o tecido social que compõe cada um desses bairros atualmente.

Confira as fotos dos 4ºs anos A, B e C:

Estudo do Meio Bairros Paulistanos - 4ºs anos (ago/2018)