Um dia de cultura e história no Centro de São Paulo

DSC00982 (Copy)Na última quarta-feira (17), os alunos do 4º ano visitaram o Centro de São Paulo.

O estudo do meio teve início no Pateo do Collegio,  sítio arqueológico onde foi levantada a primeira construção da cidade e onde fica o Museu do Anchieta, que abriga coleções de arte sacra e retrata o cotidiano paulista em seus primeiros primeiros séculos.

Após um lanche, os alunos seguiram para o Solar da Marquesa de Santos, um raro exemplar de residência urbana do século XVIII, onde hoje fica a sede do Museu da Cidade de São Paulo.

O passeio continuou pelo marco zero de São Paulo, monumento hexagonal localizado na Praça da Sé, que representa o centro geográfico da cidade. Logo em frente, a parada seguinte foi a Catedral da Sé.

O monumental edifício é um dos cinco maiores templos neogóticos do mundo, com mais de 100m de comprimento e 46m de largura, e abriga várias curiosidades que muitas vezes escapam ao olhar do visitante. Apesar do estilo europeu, a catedral tem elementos bem brasileiros, como os altares com pedras verde e amarelas, e os capitéis das colunas, com animais e plantas da fauna e da flora nacionais.

Após a visita à Catedral, os alunos foram almoçar em um dos pontos altos (literalmente) do estudo do meio: o Terraço Itália. Localizado no topo do Edifício Itália (que é o segundo maior da cidade, com 165 metros), este cartão postal possui uma vista estonteante da capital paulista e abriga um dos restaurantes mais famosos de São Paulo.

Após a refeição, foi a vez da visita ao Mosteiro de São Bento, um dos conjuntos arquitetônicos e históricos mais importantes da cidade, e ao Edifício Martinelli, primeiro arranha céu da América Latina.

Depois, os alunos caminharam pelo Viaduto do Chá, primeiro viaduto da cidade, inaugurado em 1892, em direção ao Theatro Municipal de São Paulo, a última parada do estudo do meio.

Lá, os alunos puderam conhecer um pouco mais sobre um dos mais importantes teatros do país, tanto por seu estilo arquitetônico semelhante ao dos mais belos teatros do mundo, inspirado na Ópera de Paris, como pela sua importância histórica, por ter sido o palco da Semana de Arte Moderna de 1922, o marco inicial do Modernismo no Brasil.

Confira as fotos deste dia inesquecível no Flickr do Santo Ivo.

 

Anúncios