8º ano expõe trabalhos produzidos no projeto #Pauliceia

Está exposto, na Sala de Leitura da sede, o resultado de alguns dos trabalhos realizados pelo 8º ano no projeto multidisciplinar #Pauliceia.

É o caso da maquete “MASP”, trabalho plástico produzido pelos alunos Felipe Mazza Szmeyan Melfi e Victor Augusto Vieira, do 8º ano A, dentro do subtema “Patrimônio Histórico”.

Também é possível conferir a tela “Bicicletas”, dos alunos Breno Eizo Tomari e Caio Leal Willeman, do 8º ano A, que trabalharam o tema “Mobilidade Urbana”.

O projeto #Pauliceia tem como ponto de partida a São Paulo atual, com seus contrastes e contradições, e propõe uma cidade melhor para 2030, justa e igualitária.

Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU foram adotados como fio condutor dos projetos de pesquisa realizados com os alunos.

Em 2015, representantes dos mais de 150 países membros da ONU reuniram-se em Nova York para adotar, formalmente, a nova agenda de desenvolvimento proposta pela entidade, que tem como metas para 2030 a erradicação da fome e da pobreza, a promoção da segurança alimentar e da saúde, a garantia da educação de qualidade, a promoção global da igualdade de gênero, a garantia do acesso à água potável, entre outros. Escola Associada da UNESCO, o Colégio Santo Ivo procura inserir-se nesta busca por um mundo justo e igualitário.

“Durante o percurso dos trabalhos, os alunos são levados a estreitar seus laços afetivos locais, conhecer a história do município, identificar os problemas, relacioná-los à agenda da UNESCO e propor ações concretas para atingir, em escala local, os Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU”, explica Ivana Muscalu, professora de História e Projetos.

Em #Pauliceia, as aulas foram planejadas de modo a cumprir importantes etapas. “Primeiro, os alunos retomam os vínculos com os espaços do cotidiano, por meio de memórias sensoriais, como cheiros e sons, tato e visão. Em seguida, identificam os principais problemas que atingem o espaço urbano. Na terceira etapa, formulam um problema de pesquisa, relacionado a um dos temas levantados na etapa anterior, e realizam a pesquisa propriamente dita. O projeto se encerra com a proposição de ações concretas de intervenção na realidade local”, conta o professor de Artes, Lucas Bocatto, um dos responsáveis pelo projeto.

Confira fotos:

Projeto Pauliceia - trabalhos 8º ano (nov/2017)
Anúncios