Pelas Ruas de São Paulo encerra 2017 com apresentação de painéis feitos por alunos

Na última terça-feira (5), ocorreu o encerramento da edição 2017 do projeto Pelas Ruas de São Paulo, voltado aos alunos dos 6ºs aos 8ºs anos, no qual são realizadas saídas mensais para pontos culturais do município.

O evento reuniu os alunos que participaram das visitas aos museus e galerias, assim como seus parentes, que puderam ver o resultado da oficina artística, realizada em novembro. Na atividade, os alunos fizeram uma releitura de obras que foram vistas durante o ano.

Em duplas ou trios, eles produziram painéis, com interpretações de peças expostas nas oito mostras visitadas: “As descobertas de Jiri Kolar” (Instituto Tomie Ohtake); “O Corpo é a Casa: Erwin Wurn” (Centro Cultural Banco do Brasil); “Frida e eu” (Unibes Cultural); “Um percurso poético- Cícero Dias” (Centro Cultural Banco do Brasil); “Invenções da mulher moderna, para além de Anita e Tarsila” (Instituto Tomie Ohtake); “Toulouse Lautrec – em Vermelho” (MASP); Galeria Vermelho; e “No subúrbio da modernidade- Di Cavalcanti 120 anos” (Pinacoteca do Estado de SP).

Os painéis pintados pelos alunos estão nas paredes da cantina e do salão de jogos, na sede.

Neste ano, a grande novidade foi que as visitas foram realizadas sem a monitoria dos museus, deixando que os alunos experimentassem o prazer de passear pelas obras e aguçar o olhar, observando as características de cada artista, de cada peça da exposição. Antes do final da visita, em roda de conversa realizada lá mesmo no museu, todos se manifestavam contando o que observou, o que aprendeu e o que sentiu!

“O que temos percebido é que, a cada ano, o interesse em participar do projeto tem aumentado. Notamos, também um posicionamento mais autônomo dos alunos desde as visitas até a realização da oficina”, afirma a Orientadora Educacional Silvia, responsável pelo projeto.

Confira as fotos do evento de encerramento:

Encerramento Pelas Ruas de SP- Fund. II (dez/2017)